• Civil Jr.

PROJETO ELÉTRICO - É um investimento, ou não?

Atualizado: Jun 5








Muitas pessoas ao construir um imóvel, dão importância a um bom projeto arquitetônico para auxiliar na hora da construção e para a regularização da obra. Este cuidado não é o mesmo com um projeto elétrico, visto que este não é necessário para legalizar a obra.


Mas, afinal, é realmente necessário fazer este projeto? Quais são os benefícios que o projeto elétrico traz? Neste post responderemos a estas perguntas e explicaremos um pouco mais sobre a sua importância.

O que é um projeto elétrico?


Um projeto elétrico é a previsão da instalação elétrica do futuro imóvel, representada com todo o seu detalhamento, localização dos pontos de utilização da energia elétrica, trajeto dos condutores, comandos, divisão dos circuitos, seção dos condutores, dispositivos de manobra, carga de cada circuito, carga total, etc.


Quais são as vantagens do Projeto Elétrico?


Com ele, você terá a garantia da utilização segura de todos os equipamentos elétricos e eletrônicos da sua casa sem medo de que ocorra algum problema com sua rede elétrica. Além disso, você terá uma economia, na execução, e na aquisição de materiais, visto que estes serão previamente dimensionados de forma personalizada para as suas necessidades, e terá ainda uma previsão de consumo da energia elétrica.


Ao abrir mão de um projeto elétrico, você poderá colocar em risco sua família e os eletrodomésticos de sua casa, pois o sub-dimensionamento ou super-dimensionamento de carga para o circuito poderá levar a queima de equipamentos, choques inesperados, sobrecarga no disjuntor do chuveiro e até mesmo causar incêndio.


Existe alguma norma a se seguir?


Todas as instalações elétricas residenciais deveriam seguir as recomendações presentes na norma NBR 5410. Esta norma estabelece as condições a que devem satisfazer as instalações elétricas de baixa tensão, a fim de garantir a segurança de pessoas e animais, o funcionamento adequado da instalação e a conservação dos bens. Ela se aplica principalmente às instalações elétricas de edificações, qualquer que seja seu uso (residencial, comercial, público, industrial, de serviços, agropecuário, hortigranjeiro, etc.), incluindo as pré-fabricadas.


Mas infelizmente, na prática, o que vemos é que as pessoas estão preocupadas é se sua instalação está ou não “funcionando”. A consciência que precisamos ter é que uma instalação dentro da norma, não apenas torna sua residência segura, como também tem sua utilização otimizada.


Um exemplo que podemos dar, é que segundo a norma, os equipamentos com potências elevadas devem estar ligados em tomadas específicas nas quais os condutores são dimensionados especificamente para a utilização destes aparelhos. Utilizar estes aparelhos em tomadas de uso geral, com condutores que possuem menor capacidade de condução de corrente, não inviabiliza o funcionamento, porém geram perdas de energia causadas pelo aquecimento dos cabos e também uma redução da vida útil deles, com isso aumenta o valor da conta de luz para o usuário. Previnir é sempre a melhor opção!


Ficou interessado(a), e quer saber um pouco mais sobre este serviço? Entre em contato com a Civil Jr. pelo telefone (31) 98595-6356, ou pelas redes sociais: - Instagram (@civiljr.ufop) ou Facebook (/civiljr.ufop).


Por Marcélia Marques.

59 visualizações
Brasil Júnior
FEJEMG
Core
Escola de Minas
UFOP
Civil Júnior Consultoria
Empresa Júnior de Engenharia Civil da Escola de Minas
Universidade Federal de Ouro Preto